DOCE QUIETUDE
Eri Paiva

A noite desce quieta, silenciosa,
Ao sabor de uma brisa refrescante.
A seu convite, a lua esplendorosa,
Raios de prata deita num instante.

A lua tudo cobre com o seu clarão
Pondo graça e beleza à nossa vista!
Aqui no peito, suspira meu coração,
Saudoso de quem muito longe dista!

Entregue à doce quietude do momento,
Ao meu amor mando, em pensamento,
A paz serena que minha alma invade ...

Absorta, no meu mergulhar em mim,
Em doce enlevo, ouço-o dizer-me assim:
Vim juntar à tua, a minha saudade!

 

 

 

Eri Paiva®
todos os direitos reservados
Maio/2016

 

 

 

Deixe seu recadinho

 

 

 

 

 

 

 

 

Webmaster e designer Teka Nascimento
Copyriht© Teka Nascimento - 2016
Lençois Paulista-SP- BR
Todos os direitos reservados®