Ajuda-me A Olhar
Eri Paiva


Qual criança pequenina
Que a vista não consegue alcançar,
Nem tão pouco entender,
A imensidão do mar...
Olho a vida, olho o mundo
Em seu mistério profundo,
Sem conseguir decifrar!

Meus belos olhos não veem,
Nem conta podem dar
Do real que, de fato, é!
A beleza que em tudo existe,
Seu poder, sua força, energia,
Somente um olhar de fé
Pode alcançar, explicar!

Mas o véu que se interpõe
Entre mim e o imenso mar,
Embaraça-me a visão,
Encurta-a, não a permite
Ir longe, se aprofundar...
É o véu doce da ilusão,
Da aparência, do estar...

E eu queria! Queria tanto...
Poder este véu arrancar!
Queria descobrir o encanto
Que está no fundo do mar...
No fundo mesmo de mim,
De você, de tudo, enfim...
Oh! Quem ajuda-me a olhar?
 

 

 

Eri Paiva®
todos os direitos reservados
Maio/2016

 

 

Deixe seu recadinho

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Webmaster e designer Teka Nascimento
Copyriht© Teka Nascimento - 2016
Lençois Paulista-SP- BR
Todos os direitos reservados®